sábado, 18 de março de 2017

Resenha : Macabre Agony - Dry Mankind

A banda Macabre Agony foi criada em meados de 1997, e hoje venho resenhar a vocês esse petardo dos infernos,que se chama "Dry Mankind" !!

Lançado originalmente em 2001,e relançada em 2017 pela Ms Metal, esse álbum apresenta uma sonoridade que unifica 3 gêneros do metal o Death,Black e Doom Metal.O material apresenta uma guitarra fantástica,pesada,muitas vezes rápida e muitas vezes arrastada devido ao seu estilo,riffs bons nesse material é que não falta por exemplo a sexta faixa "Vox Clamantis" que foi o riff que mais me surpreendeu,pelo motivo dela ser rápida e o mesmo tempo arrastada.A bateria nesse material é magnifico !, o bateria com sua linha de bateria aniquiladora e usando as vezes o dumbo duplo. o baixo em algumas faixas se mostrou ativo e superior,mas não é em todas que essa linha é seguida. no caso do vocal os gritos e guturais se mostraram evolutivos e bem bem cavernosos as vezes !

Então vale a pena adquirir esse material ? Sim vale muito apena somente a junção de 3 gêneros do metal,já valeria o gasto. a banda tem sua identidade e seus músicos são excelentes no que fazem é somente uma pena que a banda não tenha uma legião de fás,como deveria ter !


A primeira faixa do álbum é "Apocalypse Now" faixa que tem um puta riff sensacional,logo se ve que a banda tem influencia em bandas de Death que apresentam um som com varias quebras,bateria aniquilando e o baixo se evolvendo na musica. em seguida temos a segunda faixa do material que se chama " Sarcastic Marvel" a faixa começa na ligeira calmaria,mas depois pega jogo do nada. mais um excelente riff de guitarra,vocal entrando no campo com clareza e oportunismo,bateria se mantendo importante.
A terceira faixa chama-se "Macabre Agony" é incrível com esse material tem riffs de guitarra sensacionais,bateria com viradas e pedais que me tinham o folego,quebras comuns no estilo, essa faixa é aquila que você tem que banguear.
A quarta faixa é "Essential" Faixa que começa naquela podridão,gritos furiosos e elevadas de guitarra sensacionais.
A quinta faixa é "Aborting the Beast" já começa naquele jeito demoníaco,riff mais uma vez servindo de referencia.
A sexta faixa chama-se "Vox Clamantis" nossa que maravilha é essa faixa, ela tem um faixo bem ativo,um riff imparável e uma bateria aniquilando quase o tempo inteiro.
A sétima e ultima musica do álbum é "Evil's Poetic" é tensa,rápida e com mais um excelente riff,bateria se elevou a um nível acima,e o baixo com sua linha impactante !


Membros:
Felipe Mras(vocals & bass)
Ahbyn Gustavo(guitar)
Syrus Malatesta(guitar)

Tracks:
1 - Apocalypse Now
2 - Sarcastic Marvel
3 - Macabre Agony
4 - Essential
5 - Aborting the Beast
6 - Vox Clamantis 
7 - Evil's Poetic

Nota:9,0


Contatos:

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário