quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Resenhas: Jailor - Stats of Tragedy

 Nesse álbum da banda Jailor lançado em 2016 contendo 9 faixas e intitulado de "Stats of Tragedy"
,apresenta guitarras fantásticas,riff's e solos enlouquecedores principalmente o Riff de "The Need Of Perpetual Conflict" e o solo de "Trhone Of Devil",a bateria nesse trabalho é sensacional e ainda mais com seu dumbo,o baixo demorou um pouco  para entrar e fazer seu destaque mas seu maior destaque foi na faixa "Trhone Of Devil" quarta faixa do álbum,o vocal é sensacional durante o álbum,seus gritos e jeito de cantar deixou a obra simplesmente sensacional !

A produção foi feita no Avant Garde Studios (CR) por Maiko Thomé Araújo.

O encarte é de uma forma não convencional,ele apresenta todas as informações da banda mas ele é em forma de "Poster" !

É mais um excelente trabalho Thrash lançado esse ano no brasil !

um excelente trabalho da banda e que venha o próximo !


Faixa por faixa :
Depois de uma introdução chamada "G.O.D" temos a segunda faixa intitulada de "Human Unbeing" essa faixa bem um riff interessante,uma bateria básica mas com dumbo duplo excelente,um baixo comum,e o vocal arrebentando nos gritos e claro o solo poderoso apresentado nessa faixa  .
A terceira faixa chama-se "Stast Of Tragedy" e ela tem um inicio com seu riff genial e o vocal poderoso,essa é uma faixa perfeita para se banguear,riff e bateria em um conjunto único, e vemos o baixo e sua linha desconcertante simplesmente sensacional e olha esse solo que sensacional,muita técnica em jogo.
A quarta faixa chama-se "Trhone Of Devil" essa faixa tem seu inicio efetuado pelo baixo,logo se espera uma linha de baixo adorável e significativa,riff sensacional com os outros até agora tocados no álbum,refrão marcante (Trhone Of Devil),(Trhone Of Devil),bateria matadora e um solo que busca felling e técnica.
A quinta faixa é intitulada de "Merciless Punishment" olha esse rif que coisa mais linda(foda),bateria fazendo sua  parte bem feita,vocal impressionante e solos desconcertantes de guitarra com a base feita pelo baixo,cara isso ficou perfeito !
A sexta faixa chama-se "Jesus Crisis" já começa naquela destruição famosa que normalmente bandas de Thrash metal fazem com tanta violência,bateria com se dubo sensacional,riff genial e pegajoso, e solos excelentes com muita técnicas dos guitarristas e o baixo segurando as pontas !
A sétima faixa é intitulada de "The Need Of Perpetual Conflict" já começa com aquele riff sensacional que já posso dizer que é um dos melhores do álbum,faixa rápida,bateria a mil e com seu dumbo maligno, e solo com muita técnica .
A oitava faixa chama-se "Ephemeral Property" começa com uma ótima duplo de baixo e bateria e em seguida vem a guitarra que mantem a palhetada quase a faixa inteira,riff de guitarra magistral, e vários solos um com uma pequena distorção e os outros solos com técnicas.
A nona e ultima faixa do álbum "Six Six Sickness" a faixa já começa sensacional com esse riff e a bateria com sua linha marcante, que em resumo é mais uma faixa para se banguear até quebrar o pescoço.
Destaques:Stast Of Tragedy,Merciless Punishment e The Need Of Perpetual Conflict.


Músicas:
1. G.O.D.
2. Human Unbeing
3. Stats Of Tragedy
4. Throne Of Devil
5. Merciless Punishment
6. Jesus Crisis
7. The Need Of Perpetual Conflict
8. Ephemeral Property
9. Six Six Sickness

Integrantes:
Flávio Wyrwa: Vocal
Guima: Guitarra
Daniel Hartkopf: Guitarra
Emerson Niederauer: Baixo
Jeff: Bateria

Nota:8,5


Sites Relacionados:

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário